Blog do Edgar Ribeiro: A lama da corrupção em cidade do Maranhão e as ações de uma organização capitaneada por mãe e filho, revelam mais do que sabíamos.

terça-feira, 25 de setembro de 2012

A lama da corrupção em cidade do Maranhão e as ações de uma organização capitaneada por mãe e filho, revelam mais do que sabíamos.

Compartilhe esta postagem!




Em nove postagens de caráter investigativo, o blog expôs, a partir de fontes confiáveis, a lama da corrupção na pacata cidade de Paço do Lumiar, no oligárquico Estado do Maranhão.

Com o título “desvios comprovados”, expomos o 1º Desvio Comprovado, o 2º, o 3º ... e o 8º Desvio Comprovado (confira AQUI), com base em Relatório da CGU.

Mas, entretanto, todavia, a ORCRIM não parou, confiou naqueles que a protegia, no Tribunal, no Legislativo, nos Sarney e continuou com as mesmas práticas, debochando de tudo e de todos.

A juíza que detectou que se tratava de uma organização criminosa, é que se tornou suspeita sob a leniência do Tribunal que serve. Suas decisões eram pisadas por meras liminares de desembargadores sem ética e destituídos de responsabilidade para com o patrimônio da sociedade.

Mas, a verdade veio à tona, a ferida foi exposta, o fedor está insuportável.

Os fatos se tornaram veracidades.


Para não pairar dúvidas, o MPF e a PF partiu para identificar os cabeças e outros membros da ORCRIM (Organização Criminosa), resultando na Operação Parasitas (ALIEN) da PF.

Por fonte confiáveis, conheça agora os bastidores da corrupção no cidade deixada literalmente no lixo por uma gestão corrupta.

O ORGONOGRAMA DO CRIME:


Em mais de 90 paginas de relatório sobre a organização, o MPF e a PF mostra com riqueza de detalhes que THIAGO AROSO era o grande articulador da quadrilha sob orientação de sua mãe BIA AROSO OU BIA VENÂNCIO, ao lado de EDUARDO CASTELO BRANCO, MARIA AMÉLIA e CINÉIAS DE CASTRO.

Um tal de ERLANIO FURTADO LUNA XAVIER era o elo de ligação entre as construtoras de fachada e as lideranças do esquema criminoso.

Para enrolar a CGU, THIAGO AROSO organizava atividades de esquentar as contas da prefeitura no escritório de contabilidade.

Está provado também na justiça federal um esquema de corrupção na Câmara de Vereadores, com o pagamento de propinas aos vereadores, comandado por BIA e THIAGO AROSO, tendo como ator principal ALDERICO CAMPOS.

Por estes dias Junior do Mojó receberá companhias de nobres colegas para uma longa conversa.

Aguarde os próximos capítulos.

Deixe seu Comentário Aqui!