Compatilhar

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

ESQUEMA DOS SARNEY E SEUS ASSECLAS NUM ESFORÇO CONJUNTO PARA EVITAR UMA INTERVENÇÃO FEDERAL NO MARANHÃO.

Agora estão focados num vídeo enviado pelo Presidente dos agentes penitenciários ao CNJ e que não teria acontecido em Pedrinhas.

Sendo comprovado este fato é para o CNJ ir pra cima dessa cambada do Estado do Maranhão, pois fica provado que armaram um esquema para desacreditar os trabalhos das equipes do Ministério Público e do Conselho Nacional de Justiça – CNJ.

Este tipo de jogo sujo é pratica corriqueira da Oligarquia Sarney no Maranhão. É assim que eles se mantem no poder, desviam recursos e se livram da cadeia. Estão ai articulando uma maneira de mais uma vez fraudarem as eleições como fizeram em 2010 (CLIQUE E CONFIRA).

Tirando o vídeo do Relatório do CNJ (AQUI), a situação permanece a mesma, pois não tem como apagar a violência, execuções e outras práticas criminosas que vem ceifando a vida dos maranhenses graças a omissão e conivência do Governo Roseana Sarney.

A Oligarquia e seus asseclas tem uma estrutura enorme para plantar boatos contra quem começa a ter ascensão política e ameace as estruturas da Oligarquia, que manda no maranhão há mais de meio século.

Eles tentam esconder a conivência com o crime de todas as formas, mas agora estão investindo pesado nas redes sociais via blogs pagos para distorcer fatos, incriminar adversários e encobrir irregularidades (CLIQUE E CONFIRA A POSTAGEM) que teve 130 mil acessos e 124 comentários, mostrando a violência que tira a esperança dos maranhenses.



A História do vídeo precisa ser apurada com rigor e revelado esse esquema de induzir o juiz do CNJ  a erro para salvar a Oligarquia de uma intervenção.

Quem protagonizou os piores escândalos deste pais é capaz de tudo (CONFIRA). 


HAJA HONORÁVEIS BANDIDOS E BANDALHEIRAS NA TERRA QUE NÃO TEM PALMEIRAS NEM SABIÁ, SÓ TEM SABIDO.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

AVALIAÇÃO DO O PRIMEIRO ANO DE GESTÃO DO PREFEITO DE PAÇO DO LUMIAR, JOSEMAR SOBREIRO.

Prefeito Josemar e seu Vice Marconi Lopes.
Descrito pelo Jornal O Imparcial como Homem de sorriso fácil, calmo, concentrado e possuidor de um vasto conhecimento educacional e político, o prefeito Josemar Sobreiro junto com seu vice Marconi Lopes encararam o desafio de tirar o Município de Paço do Lumiar de 30 anos de atraso e descasos de administrações passadas.

Após conversas com pessoas que militam no município, o blog resolveu externar a avaliação desse primeiro ano de gestão de Josemar e sua equipe pelos aspectos do péssimo, regular e bom, segundo os interesses daqueles que habitam naquele município. 

O GOVERNO DE JOSEMAR FOI PÉSSIMO para os que de alguma forma se beneficiavam das administrações anteriores, seja por alguns assistencialismos às custas do erário, seja para manter esquemas de poder para continuidade e perpetuação de desvios de recursos, depois desarticulados pela CGU e Polícia Federal. Josemar matou a vaquinha onde muita gente mamava, do executivo ao legislativo, passando por vários setores de Paço. Os recursos do município começaram a aparecer, os impostos pagos começaram de fato a entrar nos cofres da prefeitura. A fonte secou para os que viviam disso. Neste aspecto,  a gestão de Josemar foi péssima por quebrar uma prática de anos no município.

O GOVERNO DE JOSEMAR FOI REGULAR para os que não ligavam para a situação e nem procuraram saber como o prefeito recebeu o município. O município foi recebido com seus documentos nas mãos da Polícia Federal, que registrou um desvio de mais de R$ 38 milhões só na gestão de Bia Aroso. Foi preciso começar tudo novamente, exigindo um árduo trabalho das equipes da prefeitura. A primeira dama e Secretária de Assistência Social, Dona Ivone junto com sua equipe tiveram que se desdobrarem para fazerem várias ações de atendimento à população. O Vice-Prefeito, na condição de Secretário de Infraestrutura teve que conferir postes para poder fazer licitação de iluminação pública, pois não encontrou documentos sobre isso na prefeitura. Não conhecendo esses fatos que atrasaram o primeiro ano de gestão em Paço do Lumiar, eu também teria avaliado como uma administração regular.


O GOVERNO DE JOSEMAR FOI BOM para os que acompanharam e estão vendo o esforço da atual gestão executando obras incluem drenagem, terraplanagem, pavimentação e tapa buracos de vias importantes, como as Avenidas 14 e 01 do Maiobão – que possuem grande movimentação e dão acesso para a rodovia MA 202 – e Rua 143. Além destas, avenidas de bairros como Iguaíba, Tambaú, Lima Verde, Vila Nazaré, entre outras, também passam por serviços de revitalização. Ao todo, 34 ações de melhorias na infraestrutura já foram realizadas em comunidades luminense. Atenção à educação e às ações de saúde foram as marcas desse primeiro ano de gestão do Prefeito Josemar.

CONFIRA AS AÇÕES:
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9  10

  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38

  • 39

  • domingo, 29 de dezembro de 2013

    “SALVEM O MARANHÃO DA FAMÍLIA SARNEY”: TV, rádio, jornais e blogs ligados aos Sarney numa força tarefa para desclassificar relatório do CNJ sobre violação de direitos humanos e mortes por execução nos presídios do maranhão.

    “Salvem o Maranhão da família Sarney. Foi o apelo do dramaturgo, escritor, jornalista, cineasta e telenovelista da Rede Globo, Aguinaldo Silva ao referir-se à luta do Greenpeace para salvar o Ártico e a crise de violência, miséria e desmandos no Estado do Maranhão.

    O relatório do CNJ (confira) revela um antro de omissões não só do Governo do Estado, mas também do Ministério Público Estadual e Federal.

    OMISSÃO DE ROSEANA E ALUÍSIO FEZ SURGIR AS FACÇÕES.


    A omissão e o descaso do Governo Roseana Sarney para com a situação fez surgir três facções de criminosos dentro dos presídios maranhenses, são elas: 

    Primeiro Comando do Maranhão (PCM) – formada por presos do interior do Estado.

    Facção “anjos da morte”, formada por ex-membros do PCM. 

    “Bonde dos 40” é a facção mais nova e mais violenta, formada por presos da capital.

    TORTURAS E ABUSOS DE AUTORIDADES NÃO APURADOS.
    O relatório do CNJ mostra que casos de abuso de autoridade, tortura e outros atos de violência praticados por agentes do Estado não são apurados ou estão em gavetas do Ministério Público ou na polícia.

    Um preso que foi vítima do Secretário Adjunto de Administração Penitenciária do Estado deu entrevista informando que estava sendo ameaçado e acabou sendo morto pouco antes de ser incluído em programa de proteção a testemunhas. O inquérito está engavetado em algum lugar do Estado como medida de proteção desse ex-secretário adjunto.

    O CNJ tem vídeo do dia 20/12/2013 mostrando doentes mentais em cumprimento de medidas de segurança e em situação de internação cautelar o que constitui grave violação de direitos humanos. Colocando esse tipo de preso junto a facções violentas o governo do Maranhão assume o risco de eventual extermínio dos doentes mentais.

    REPRESENTANTES DO CNJ PARA TEREM ACESSO AO PRESÍDIO TIVERAM QUE NEGOCIAR COM AS FACÇÕES.

    O acesso a alguns pavilhões era precedido de negociação com os líderes das facções. Os chefes de plantão e diretores das unidades não eram capazes de garantir a segurança da equipe que inspecionava a unidade, sob o fundamento de que as facções poderiam considerar a inspeção em dia de visita íntima como um ato de desrespeito. Os próprios servidores da administração
    Penitenciária informam que os presos novos são obrigados a escolher uma facção quando ingressam nas unidades do complexo penitenciário de Pedrinhas”, diz o relatório do CNJ.

    ENCONTROS ÍNTIMOS OCORREM EM AMBIENTE COLETIVO.
    Em dias de visita íntima no Presídio São Luís I e II e no CDP, as mulheres dos presos são postas todas de uma vez nos pavilhões e as celas são abertas.

    Os encontros íntimos ocorrem em ambiente coletivo. Com isso, os presos e suas companheiras podem circular livremente em todas as celas do pavilhão, e essa circunstância facilita o abuso sexual praticado contra companheiras dos presos sem posto de comando nos pavilhões.

    Ressalta-se que a morte ocorrida no dia 19 do mês em curso no Presídio São Luis II foi justamente na ocasião da visita íntima, o que pode ser um indício de que seria em decorrência de desentendimentos nos momentos em que ocorriam relações sexuais em ambiente coletivo.

    O número excessivo de mortes em um único ano (60) é outro fato revelador da necessidade da comunhão de esforços para organizar o sistema prisional do Maranhão.

    A SITUAÇÃO VIROU PREOCUPAÇÃO INTERNACIONAL.
    A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), no dia 16.12.2013, expediu Medida Cautelar solicitando ao Governo do Brasil medidas necessárias e efetivas para evitar mortes e danos a integridade dos presos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, bem como a redução da superlotação prisional, a investigação dos fatos que ocasionaram a adoção das medidas cautelares; e ainda, informações, no prazo de 15 dias sobre as medidas adotadas, com atualizações periódicas.

    Para evitar uma intervenção a Governadora Roseana Sarney, cumplice de seu Secretário Aluísio Mendes está usando sua TV, rádios, jornais e blogs ligados aos Sarney numa força tarefa para tentar desqualificar o relatório do CNJ, enquanto ela manda a polícia militar fazer o que já deveria estar fazendo há muito tempo nos presídios do Maranhão até as coisas se acalmarem. Depois fica a mesma b.... de segurança pública.

    Até Nota de uma facção estão divulgando para amenizarem a situação (CONFIRA) e confundir a opinião pública acerca da verdade sobre mortes e execuções nos presídios do maranhão como forma de extermínio por acharem ser esta a melhor política de combate a violência. 

    “SALVEM O MARANHÃO DA FAMÍLIA SARNEY”.

    sábado, 28 de dezembro de 2013

    AVANÇA SÃO LUÍS!!!!! após idas e vindas de secretários, o Prefeito Edivaldo Holanda Junior está acertando na sua gestão.

    A SEMOSP e a Secretaria de Educação estão realizando um trabalho digno de elogio e em pouco tempo, a população de São Luís perceberá as mudanças.

    Sem contrair dívida a curto prazo como fez João Castelo, que inviabilizou a nova gestão em alguns setores, o prefeito Edivaldo buscou obter recursos a longo prazo para começar e atender os locais que nunca foram contemplados com trabalhos da prefeitura.


    Com idas e vindas de secretários, o Prefeito de São Luís está ajustando a máquina para seu Projeto Avança São Luís. Pelo menos dois secretários despontam na execução desse projeto, o Secretário da SEMOSP, o arquiteto Antônio Araújo e o Secretário de Educação Geraldo Castro.

    O Secretário da SEMOSP focado na diretriz de melhorar a infraestrutura, vem intensificando trabalhos de recuperação asfáltica e logo chegará a toda cidade. As comunidades da Vila Sarney, Vila Industrial, Vila Cascavel e Nossa Senhora das Graças, na zona rural, receberão serviços de pavimentação.

    Geraldo Castro cumpre a determinação de fazer uma educação
    inclusiva, eliminando de vez descriminações ou exclusões.

    Na Secretaria de Educação 650 novos professores estarão nas salas de aula em 2014. 1.171 atendimentos na Área de Educação Especial. Os atendimentos abrange cursos, qualificações profissionalizantes, formações continuadas para professores e atendimentos individualizados a alunos, pais de alunos e professores.

     

    O Secretário de Educação está implantando uma política inclusiva na gestão municipal alcançando as pessoas com deficiência.
    A lista de atividades é encabeçada pelos atendimentos psicológicos a crianças com deficiência e suas famílias. Nesse item, foram quase 500 pessoas atendidas.  Durante o ano de 2013, também foram contempladas, na rede municipal de ensino, as especialidades de Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e Fisioterapia.

    O RECONHECIMENTO DO MAIOR OPOSICIONISTA:

    O Prefeito Edivaldo tem o hábito de fiscalizar pessoalmente as obras em horários não marcados.
    No bairro do Bom Jesus, acompanhado do secretário de Obras e Serviços Públicos (Semosp), Antônio Araújo moradora abraça e agradece ao prefeito.
    Um setor que inspira mais atenção do prefeito é o da Saúde. O blog está fazendo uma levantamento minucioso dos problemas, recursos e planejamentos. 

    sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

    LISTA DOS APROVADOS NO SELETIVO DO IFMA PARA 2014.

    O IFMA divulgou o resultado do processo seletivo 2014 para cursos técnicos. CONFIRA AQUI!!

    35.189 se inscreveram para concorrer as 4.310 vagas, distribuídas nos 18 campi e três núcleos avançados do IFMA.

    ARQUITETA E URBANISTA – FILHA DE MOACIR FEITOSA ASSUME A SINFRA DE PAÇO DO LUMIAR.

    Em café da manhã com vereadores, secretários e assessores diretos, o prefeito de Paço do Lumiar Josemar Sobreiro e o vice Marconi Lopes fizeram breve relatório sobre os avanços no primeiro ano de gestão e os planejamentos para os próximos anos.

    MARCONI LOPES SURPREENDEU A TODOS AO ANUNCIAR SUA SAIDA DA SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA.

    O Prefeito Josemar apresenta Andreia, a nova secretária (entre o pai Moacir Feitosa e a sua mãe).

    Após relatar os trabalhos e projetos que desenvolveu frente à Secretaria de Infraestrutura do Município, Marconi Lopes anunciou a sua saída da Secretaria para trabalhar projetos maiores para o Município de Paço do Lumiar. “Deixo a Secretaria de Infraestrutura, mas não deixo a equipe de trabalho do professor Josemar, temos muitos trabalhos e projetos para viabilizarmos”, disse Marconi Lopes.

    A nova Secretária de Infraestrutura, Sra. Andreia é arquiteta e urbanista, servidora concursada do município de Paço do Lumiar e já fazia parte da equipe do prefeito Josemar.

    A secretária agradeceu o prefeito pela confiança a si depositada e que fará tudo que estiver ao seu alcance para cumprir com as determinações a ela repassadas pelo prefeito.

    Vereador Leonardo Bruno - Presidente da Câmara de Paço do Lumiar.
    Em nome da Câmara de Vereadores falou o presidente da Casa Legislativa, o vereador Leonardo Bruno. Disse que o legislativo municipal atendeu as demandas do município que chegaram naquela casa e que darão continuidade analisando, discutindo e votando os projetos de interesses da população e necessários para dar vasão às realizações da prefeitura. 

    A primeira Dama e secretária de assistência social, Dona Ivone chamou a todos à reflexão para o compartilhamento da administração do prefeito Josemar. Conclamou os vereadores para irem às bases e ver quão importantes eles são para o povo. Segundo ela, essa administração tem a missão de trazer esperança para Paço do Lumiar com trabalho, com resultados. “A cidadania se constrói com dignidade, com visão de mundo”, finalizou dona Ivone.

    quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

    INSTITUIÇÃO DE ENSINO DO MARANHÃO NÃO TEM O MENOR RESPEITO PELO SER HUMANO.

    O Liceu Maranhense, instituição de ensino do Maranhão tem atualmente uma administração que está tratando com deboche o caso de uma aluna menor de idade intoxicada por produtos químicos dentro da escola por descaso da direção da instituição para com os alunos.

    A instituição através de sua má gestão submeteu alunos a aula em laboratório de química sem as devidas proteções, incumbindo aos alunos o descarte dos produtos químicos manipulados pelo professor durante a aula prática.

    A menor JACKELYNE NEVES, aluna do 1º ano do ensino médio, de apenas 15 anos de idade foi incumbida de descartar mais os demais alunos os produtos utilizados os experimentos químicos, que incluíam soda cáustica, ácido muriático, ácido sulfúrico, leite de magnésio, amoníaco, fenolftaleína e vinagre.

    Sem orientação de como descartar esses produtos químicos, os alunos fizeram os descartes.

    Ao fazer o descarte dos produtos em uma pia, a menor JACKELYNE NEVES inalou o vapor provocado pela mistura dos produtos derramados na pia e começou a passar mal sentindo falta de ar.
    BO REGISTRADO NA POLÍCIA.

    A professora orientou a aluna pegar um vento que passaria o mal-estar. A situação da aluna foi ficando crítica e deram água com açúcar e fazendo perguntas impróprias no sentido de uma suposta gravidez da menor.

    Passaram-se mais de 40 minutos sem prestarem socorro médico a menor JACKELYNE NEVES.

    Levada para o hospital, o médico não fez exames, nem outro procedimento para detectar a causa, apenas administrou soro e antialérgico e teve alta. Em casa começou a passar mal novamente.

    A família passou a tomar de conta da menor JACKELYNE NEVES quando tiveram ciência da gravidade da situação, buscando esforços entre familiares para impedirem o óbito da aluna do Liceu Maranhense. Enquanto a direção da escola não movia uma palha para ajudar.


    Passou-se 10 dias para encontrar um toxicologista, que confirmou que houve intoxicação. Até agora não fecharam um diagnóstico que leve o tratamento da jovem aluna, que pode ficar com sequelas irreversíveis. A estudante ficou 15 dias internada.

    TESTEMUNHAS
    São várias as testemunhas. A colega de sala de Jackelyne, Brenda Sousa, disse que a turma só recebeu as orientações de uso do material no fim da aula. Brenda disse ainda que esta foi a segunda aula no laboratório e que o único contato que os alunos tinham com os produtos só acontecia no fim da aula, no momento de descarte. “A gente jogou o material dos tubos (de ensaio) na pia e depois lavamos a mão. Enquanto todos jogaram os tubos um por um, Jackelyne misturou todos na pia e isso causou uma fumaça e ela respirou essa fumaça”, conta.  

    DIREÇÃO DO LICEU MARANHENSE ESTÁ TRATANDO O COSO COM DEBOCHE E TENTATIVAS DE ABAFAR A SITUAÇÃO DA QUAL SÃO RESPONSÁVEIS.

    3 dias depois do ocorrido nas dependências da escola, a direção do LICEU se apresentou sem dar nenhuma assistência, seja de medicamentos ou de médicos.

    Diretor do Liceu Deurivan Sampaio.
    Em uma atitude de deboche e desrespeito, o diretor do Liceu Maranhense Deurivan Sampaio insinuou que a estudante já era doente e disse: é que a situação apenas agravou um problema de saúde já existente. Não foi só isto, Diretor foi ao hospital levar trabalhos escolares para a aluna fazer no hospital onde estava internada querendo parecer que ela nada tinha. Eis as atividades entregues no hospital pelo Diretor, numa atitude de deboche para com a família da estudante:
     
    ATIVIDADES DE QUÍMICA LEVADAS AO HOSPITAL PELO DIRETOR DO LICEU PARA A ESTUDANTE FAZER.
    O quadro clínico da estudante ainda inspira cuidados, pois ela sente fortes dores de cabeça, náuseas, tonturas, reações a odores e precisa de ajuda constante de pessoas. Os médicos ainda não fecharam um diagnóstico sobre as consequências da intoxicação.
     
    A MÃE KÁTIA NEVES OBSERVA E ACOMPANHA O ESTADO DA SUA FILHA QUE PODE FICAR COM SEQUELAS GRAVES.
    A polícia abriu inquérito para apurar responsabilizações. Já houve uma primeira audiência no dia 22/12/2013 e uma segunda audiência está marcada para o dia 07/01/2014.

    O blog está acompanhando esse caso em todas suas fases para não prevalecer a impunidade. 

    quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

    A ESCRAVIDÃO AO VIVO E A CORES NO PAÍS DOS HIPÓCRITAS: Homens estão levando chibatadas para executarem serviços forçados em fazenda no TO.

    Do G1 TO, com informações da TV Anhanguera

    Trabalhadores denunciam fazendeiro por trabalho escravo no sul do TO. Eles estão em Gurupi após fugirem de fazenda em Lagoa da Confusão. Um deles mostra marcas nas costas e diz que levava chibatadas.

    Os dois trabalhadores dizem que fugiram de uma fazenda porque estavam sendo tratados como escravos (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Os dois trabalhadores dizem que fugiram de uma
    fazenda porque estavam sendo tratados como
    escravos (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
    Em Gurupi, sul do Tocantins, dois homens denunciaram um fazendeiro de Lagoa da Confusão de submetê-los a um trabalho semelhante à escravidão. 
    Por causa do medo, os trabalhadores preferiram não se identificar. Eles estão no município há 13 dias, depois que saíram da fazenda.
    "Às vezes ele dava uma lona para forrarmos em cima do caminhão e outras vezes a gente dormia embaixo do caminhão", disse um deles.
    Eles vieram de Minas Gerais. Ao chegarem à fazenda, contam que tiveram que trabalhar até no período noturno. Um deles, mostra marcas nas costas e diz que foi agredido.
    "Carregávamos a madeira nas costas e quando nós não aguentávamos, eles nos batiam".
    Um deles mostra marcas que ele diz ser de chibatadas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
    Um deles mostra marcas que ele diz ser de
    chibatadas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
    Os trabalhadores explicam que por causa das más condições em que eram submetidos, eles decidiram fugir. 
    Em Gurupi teriam ido à delegacia de polícia mas foram orientados a procurar a justiça do trabalho. Por causa do recesso de natal do órgão, os dois aguardam atendimento. "Meu sonho era passar o Natal junto com meus pais, meus irmãos, com meus filhos", diz um deles, em lágrimas.
    Eles estão se alimentando com a ajuda da Secretaria da Ação Social do município.
    Diz o Blog do Edgar Ribeiro:
    Se a polícia federal não agir rápido este dois homens serão assassinados na região.