Compatilhar

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

ISTO É UM PERIGO PARA A DEMOCRACIA: PT e o PC do B são acusados de realizarem campanha difamatória contra cubana que luta por democracia e também de espioná-la em sua viagem ao Brasil.


No final de semana a revista "Veja" publicou que o embaixador de Cuba no Brasil, Carlos Zamora Rodrigues, se reuniu em 6 de fevereiro deste ano, na embaixada cubana no Brasil, com militantes do PT e do PCdoB para realizar campanha difamatória contra a blogueira cubana Yoani Sánchez e espioná-la em sua viagem ao país.

Yoani Sánchez, ela luta por democracia em cuba. tentou sair do país 20 vezes desde 2004. O PT e o PC do B é contra ela por paixão ao governo de de Fidel Castro.
"Ela é uma pessoa que recebe dinheiro estrangeiro para difamar o regime cubano", acusou sem provas o estudante Caio Botelho, 25, diretor de Formação Política da UJS (União da Juventude Socialista), entidade ligada ao PC do B.

Nesta segunda, o Itamaraty disse que Yoani Sánchez é bem-vinda ao Brasil, mas evitou comentar suposto plano de espionagem e elaboração de dossiê contra a cubana, que desembarcou hoje no país.

O ministro, no entanto, evitou comentar informação, divulgada pela revista "Veja", de que um dossiê contra a blogueira foi distribuído numa reunião na embaixada de Cuba no Brasil. "Sobre esse [movimento de tentar] desmoralizar [Yoani]: não conheço esse movimento, nem tomei conhecimento de nenhuma medida nesse sentido."

VEJA TAMBÉM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário