Compatilhar

terça-feira, 29 de outubro de 2013

A reação da sociedade brasileira: a opinião de um General.


CARLOS ALBERTO PINTO SILVA
Diante da corrupção generalizada nas últimas duas décadas e ante a falta de atuação das autoridades constituídas, produto da omissão, de conluios acontecidos e da impunidade, tem florescido no Brasil a deterioração dos valores habituais da nossa democracia, com o desrespeito descomedido aos patrimônios público e privado, e o avanço da corrupção endêmica.
A ausência de reação da sociedade brasileira deixa a impressão de que ninguém se importa com o que vem acontecendo no País, e que não existem autoridade e comprometimento dos poderes constituídos.
É importante ressaltar que o que está ao nosso redor não determina o que vemos: quem faz isso é o nosso interior, através de paradigmas, experiências, dogmas e a conjuntura que vivenciamos.
Quem você é determina o que você vê e a forma como você pensa, fala e age. Sofremos, ainda, uma influência extrema do meio em que vivemos e da personalidade e do comportamento das pessoas que nos cercam. Daí dois questionamentos: 
  • Como o seu grupo social está enxergando o Brasil hoje?
  • E os demais grupos da sociedade brasileira como estão enxergando o Brasil hoje?
O que não já faz parte do nosso interior ou do interior do nosso grupo não nos perturba. Quando as pessoas se sentem atingidas de alguma forma e revidam, é porque algo repercutiu em seu interior ou no interior do seu grupo.
Então o que fazer para que a sociedade brasileira deixe a letargia com que se habituou a conviver com as questões nacionais e se sinta atingida pelo atual momento político, econômico e social do País?
Somente fazendo os fatos repercutirem no interior da nossa sociedade, e não fora dela, haverá uma reação.
Quando a sociedade esta satisfeita, raramente surge suficiente motivação para mudar. Muitas vezes não há se quer um imperativo de mudança percebido e as pessoas costumam ficar tão profundamente voltadas para suas necessidades que não se elevam acima dos seus interesses próprios, esquecendo-se das suas responsabilidades sociais e políticas.
O limite entre a resistência e a concordância com a transformação (Reação) social e política necessária pode ser mais tênue do que se parece.
A atividade política marcada pela relação sociedade, partidos políticos, Executivo e Legislativo da mostra de estar chegando ao fim, a lógica política vem sendo superada pela ação crítica da sociedade através das redes de informação e sociais (a moderna propaganda boca a boca) que não respeitam limites ou hierarquias, e avançam numa velocidade que o Estado não consegue acompanhar e dar respostas apropriadas.
Observa-se, na atual conjuntura brasileira,a presença de um Ponto de Ruptura (falta de ética na política, má gestão e corrupção generalizada), que possibilita uma Transformação (Reação) que faça com que uma mudança (social, política e ética), radical, seja esperada, e com o passar do tempo aconteça e vire numa certeza para nossa sociedade.
Os pontos de ruptura são momentos de grande sensibilidade da vida nacional. Devemos acreditar que, na maioria das vezes, uma situação ou um momento específico (Ponto de Ruptura) acontece para reunir pessoas respeitáveis que acreditam na Defesa do Estado Democrático de Direito, da Ética, e da Honestidade na vida pública.
O Ponto de Ruptura desafia a sociedade brasileira a ver, pensar, agir, se indignar, e a reagir.
A reação tem que começar em algum lugar e de alguma forma, não fique apenas no previsível, se formos iguais manteremos a rotina política e social de sempre, e jamais daremos o grande salto político e social que o Brasil precisa.



(Carlos Alberto Pinto Silva, general de Exército da reserva; ex-comandante de Operações Terrestres (COTer), do Comando Militar do Sul (CMS), do Comando Militar do Oeste (CMO); membro da Academia Brasileira de Defesa)

25 comentários:

  1. A letargia com que nos habituamos a conviver com as questões nacionais, foi provocada pelos 21 anos em que passamos reprimidos por uma ditadura que não admitia o contraditório, e ganhávamos o rótulo de comunista, subversivo e até de traidor da pátria quando nos púnhamos contrários ao regime implantado. E por o Sr. general atualmente estar fazendo a mesma coisa, não estaria sento um fascista, subversivo e muito mais traidor, enquanto se insubordina e prega o golpe contra o comandante em chefe de seu comandante e a população que democraticamente o elegeu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo29.10.13

      Paulo Vitor, seria de muito proveito você estudar mais sobre os motivos que levaram os militares a impor restrições. Simplesmente foi tentado conter, e, de certa forma conseguiram, esta corja que hoje nos governa! Comunistas e terroristas , sim! E se o governo fosse mesmo repressor, tal como o Marxismo Cultural, que idiotizou as gerações desde então, hoje Zé Dirceu, Genoíno, Dilma e todos os outros que destroem a nossa sociedade e pulverizam a nação, não estariam aí, fazendo do país a sua latrina!

      Excluir
    2. BLACK BLOC BALEADO NO RIO É FILHO DE UMA DIRETORA DA GLOBO E DE UM ASSESSOR DO MINISTÉRIO DA CULTURA DE DILMA
      http://cinenegocioseimoveis.blogspot.com.br/2013/10/black-bloc-baleado-no-rio-e-filho-de.html

      Excluir
    3. Anônimo30.10.13

      Mas já foi desmascarado e provado que esses Black Blocs são usados pelo governo para fazer o Caos e assim, implantar o regime comunista bolivariano, conforme preconiza o Foro de São Paulo.! É a ordem através do Caos!

      Excluir
    4. Não existe opção fora da liberdade. Nunca mais voltaremos a ser uma republiqueta comandada por ideais saídos de dentro de um quartel. Somos maiores do que isso. Ficar inventando perigo comunista, já deu. Isso ficou por conta do Macartismo importado dos EUA das décadas de 50 e 60, deste mesmo EUA que planejou e financiou o golpe militar, e rebaixou o nosso país a um simples apêndice, um quintal dos senhores do norte. Essa bobagem de bolivariano, comunista, e outros bichos, fazem parte dos devaneios dos sociopatas que odeiam a ascenção do povo mais humilde, que vêm acontecendo há 12 anos.

      Excluir
    5. Anônimo30.10.13

      Muito bem Paulo Vitor, respondeu a altura, o último ponto de ruptura que tivemos, durou 30 anos e como você falou, atrasou nosso desenvolvimento político, sem contar, que os corruptos que ele está reclamando, na grande maioria foram criados e cevados pelo governo militar. Treinado para não questionar seus superiores, os militares nunca reclamaram do governo da ditadura, só se esquecem que pela Constituição, o presidente é o chefe deles, portanto, deveriam respeitar a Constituição e falar do que entendem, a defesa do país e dos quartéis.

      Excluir
  2. Anônimo29.10.13

    Faço minhas as palavras do Paulo Vitor. Não queremos ruptura. Queremos aprimoramento da nossa democracia. E esta corrupção não começou depois dos ventos democráticos. Sou suficientemente adulta e instruída para conhecer a história do meu país. Sem contar que vivi a época da Ditadura Militar e vi a corrupção grassar naquele tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo30.10.13

      Eu também passei pelo, dito período da ditadura e não vi nem um enriquecer da noite pro dia como o palloci se Dirceu, lulinha o próprio lula e tantos outros companheiros, e não adianta dizer que e mentira, meu irmão mora amais de vinte cinco anos em Tocantins e no para, e conhece as cinco fazendas do lulinha ..

      Excluir
  3. Compartilho contigo Paulo Vitor e com a anônima. Entretanto, temos que reconhecer que estamos imerso num abismo sem fim. Já estamos do estado bestial para frente sem vislumbrarmos nenhum horizonte.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo29.10.13

    Vai cuidar dos netos seu golpista de merda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo29.10.13

      Todos vocês acima, são comunistas e compartilham dste golpe que o governo Petista está imprimindo ao povo brasileiro, que jamais aceitou ou aceitará se comunizar! Não houve Golpe no passado. O povo pediu a Intervenção Militar, tal como hoje estamos pedindo! Para varre, vocês, corjas daqui! Por que não vão logo pra Cuba? Não é lá o Paraíso? Sumam logo, e deixem nosso País em paz!

      Excluir
    2. Eis aqui, tanto na réplica quanto na tréplica um exemplo do maior inimigo da democracia: a intolerância. Tolerar a opinião alheia é pressuposto básico para que exista o debate. O mais é ditadura, de direita ou de esquerda. E ditadura, de direita ou de esquerda, nós já sabemos que não presta. Só para lembrar: nem todo militar que propugna por uma sociedade livre da corrupção é golpista e nem todo esquerdista é comunista. Entre o preto e o branco, há diversos tons de cinza!

      Excluir
    3. Intervenção militar imediatamente, é minha resposta para todos os comunistas, simpatizantes e indecisos! Só não gosta de militar, vagabundo e comunista! Gente de bem quer, pede e apoia as FFAA...Eu peço DITADURA mesmo!

      Excluir
    4. Anônimo10.11.13

      Prefiro a intervenção militar , mas só para tirar estes PTralhas que estão trazendo o comunismo ou ditadura, como queiram, e tirar já esta DITADURA DISFARÇADA DE DEMOCRÁCIA, para deixar que o nosso rico Brasil seja uma DEMOCRÁCIA DECLARADA E ESCANCARADA. Nós brasileiros merecemos isto, somos um país liberal , recebemos todas as raças em nosso país acaloradamente. Quanto aos militares eles não podem agir , porque os que estão no "PUDER" barram. Mas infelizmente , tenho poucas esperanças que haverá uma intervenção militar a favor da DEMOCRÁCIA.

      Excluir
  5. Os nossos guardiões militares interviram antes e devem intervir agora també, por que os motivos são os mesmos: Os cães querem implantar o comunismo no Brasil..

    Da mesma forma que fazem hoje, através de aliados contratados por ONGs enriquecidas pelo governo, antigamente os comunistas também recorreram as armas, mataram, sequestraram, depredaram e tocaram o terror no país.

    Paulo Vitor e demais militantes comunistas de hoje, agem da mesma forma que agiram os do passado. O dinheiro de seus líderes comunistas - hoje governadores, ministros e presidente da república - abastece as redações de jornais e TV com simpatizantes a causa durante o dia, e, durante a noite se mascaram e passam a tocar o terror nas ruas das cidades, armados e perigosos, como já fizeram antes...

    ResponderExcluir
  6. Anônimo30.10.13

    Sr General, o povo tem medo de sair de casa para trabalhar, fazer compras, qto mais para protestar ou se manifestar, o terrorismo está nas ruas do Brasil, e é treinado nas escolas, nas baladas, nas músicas (cultura), na mídia. Não é mais alienação ou letargia, É MEDO. Fui as ruas algumas vezes, mas meu manifesto foi sufocado pelo medo e lágrimas, ao ver minha BANDEIRA NACIONAL, ser vilipendiada, queimada, cuspida, desrespeitada, por jovens que não são mais nossos filhos, e sim filhos de uma desinformação programada, que as suas famílias na ânsia de trazer proventos para seus lares não se deram conta de quanto eles estão sendo usados por um sistema desumano que nos levará a desgraça de uma cubanização. Não é possível que só eu e minha família percebemos isso desde a Abertura para a Democracia, qe estava vindo governos revanchistas para conduzir nosso país. Pois bem estamos a muitos anos caminhando para o caos, mas a alguns anos, contamos com as urnas eletrônicas e votos de cabresto ( Bolsas esmolas), e todo a riqueza de nosso país, está sendo doado a países aliados as estes governantes,. Estamos vendo serem homenageados terroristas/comunistas/ chefes de facções e todo o tipo de escórias, estamos vendo serem indenizados terroristas antigos aos quais o Brasil anistiou como se nada tivessem prejudicado o país tempos atras, e muitos deles serem eleitos ou contratados para cargos de confiança, pessoas que nunca sentaram em carteiras universitárias, comandam nosso país. Desculpa General, mas não foi o povo sozinho que fez esse estrago todo, forças muito maiores contribuiram para isto...Eu não entendia muito bem o Contra-Golpe de 64, até pq os Srs. Militares nos pouparam de muitas coisas, respeito e admiro todos os Generais que Presidiram nosso país, mas hj venho reivindicar meus direitos como cidadã e patriota, VOLTEM SENHORES, OS SENHORES NÃO TERMINARAM SEU COMPROMISSO COM NOSSA PÁTRIA. Ficou faltando informar o povo do que estava sendo implantado no país, e que agora estão fazendo com sucesso. A FORÇA do povo está nas FAs, e é aos SENHORES que estamos entregues ou a este desgoverno imperante. As FAs tem essa obrigação com o povo sim, queira seu povo ou não, os Srs tem todas as informações necessárias para poder intervir e todo o dever de, ou acham que não estamos correndo risco? É como se os pais vissem seu filho usando drogas mortais e financiassem as drogas a seu filho, simples assim. CONFIO MINHA VIDA E A DA MINHA FAMÍLIA NAS MÃO DAS NOSSA FAs. Estamos agardando providencias Senhores, e falo aqui em nome de mais de 100 pessoas só da minha família. e creio que se juntarmos mais a sua família, já passarão de 200 pessoas, faça os cálculos Senhor, somos muitos já! Meus respeitos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo30.10.13

      Você expressou tudo que eu e mais a minha família também, e muitos amigos gostariam de fazer! Pedir a volta dos militares! pra expurgar este mal que corrói o Brasil! Intervenham, em nome de todos nós, em nome da honra, dos bons costumes da moral da religião e da paz!

      Excluir
    2. Anônimo9.11.13

      Sr General. A Anistia deu aos BLACK BLOCKS de 64, o direito de enganar saquear, mentir e corromper os nossos jovens. Estamos escravos destes bandidos. Aquele que não defende as FFAA, ou manm nas tetas deste governo libertino ou é um jovem doutrinado que estudou nas cartilhas da guerrilha de 64. A maioria não votou nesta corja do PT e aliados. A nossa constituição está sendo rasgada por estes capetas dos infernos. As nossas riquezas estão sendo delapidadas e repartida entre eles, que se fortalecem e enfraquecem o cidadão de bem. Em nome de minha familia e de todos os enganados do Brasil, pedimos INTERVENÇÃO MILITAR JÀ !

      Excluir
  7. Nenhum país se sobressai e nenhum povo tem democracia se não houver Disciplina, Ordem e Organização... São 3 palavras que doem na alma dos Libertinos, que sempre se dizem de ESQUERDA... O que é ser de ESQUERDA ? É vender o país a outro, que quer implantar um regime IMBECIL e IDIOTA, que já não vingou há 100 anos atrás no leste europeu.... FALTA É CULTURA no lugar dos FUNKEIROS que se satisfazem com as MIGALHAS das bolsa, bolsinha e bolsetas... Vão trabalhar, vagabundos... o trabalho DIGNIFICA O HOMEM e melhora suas idéias...

    E Disciplina, Ordem e Organização, só nossas Forças Armadas conhecem a fundo... Assumam logo a direção desse país, antes que esse comunas de merda liquidem com ele de vez...

    ResponderExcluir
  8. Nunca vi uma carta desse general n época dos escândalos da Petropaulo, Brasilinvest, Coroa-brastel, os escândalos de mordomias do Geisel, Caso Delfim, com suas comissões, Capemi, o escândalo da Mandioca, os escândalos do antigo INAMPS....onde estava o General nessa época, que não vi sequer uma manifestação dele? Ninguém aqui é criança, e sabe que estes escândalos foram só a ponta do iceberg, pois naquela época, os militares escondiam quase tudo. Ou seja, é o imundo falando do sujo. A verdade é que na época do golpe ilegal dos militares BANDIDOS, que assaltaram nossa democracia, os militares eram muito mais corruptos, mas a imprensa, o Judiciário e a polícia eram amordaçados. A verdade dói....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo30.10.13

      Leandro Coelho, você sabe que está falando uma imensa besteira! Como todo esquerdista mente e mente tanto que acaba acreditando nesta mentira, como sendo verdade. Você não sabe, por exemplo que dentro da ordem militar, se um deles passar, ao menos um cheque sem fundos é detido, e responde num inquérito? Vc Sabe muito bem que não foi golpe à democracia coisa nenhuma, sabe que foi um contragolpe, que os comunistas, aliciados pela URSS queriam implantar aqui. E a corrupção em momento algum desta nação poderia ser comparada à que está ocorrendo agora! Ora a verdade que dói é a verdade que vocês esconderam durante estas décadas dos jovrns, alienaram e doutrinaram no Marxismo cultural, torcendo a verdade, que dói sim, mas em vocês!

      Excluir
    2. Anônimo30.10.13

      Hhuahsuahsuash... Parabéns Anônimo, fez meu dia com essa piada.
      Abraços, Junior.

      Excluir
  9. Anônimo30.10.13

    Precisamos urgentemente de uma intervenssão militar neste nosso Brasil varonil, que aprendi a honrar e servir com meu trabalho e dedicação. Temos que imediatamente acabar com esta infame ditadura do povo, isto é um imbuste empurrada em nossas guelas por estes bandidos que autodenominam salvadores da pátria, entregando nossas riquezas a preço de banana. Temos que exigir os militares tomando conta novamente das rédeas da nossa liberdade. Fora daqui seus comunistas infelizes.

    ResponderExcluir
  10. Anônimo30.10.13

    so espero que dessa vez nao deixem esses bandidos escaparem.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo9.11.13

    Paz nós tínhamos no Regime Militar, só os bandidos e guerrilheiro do mal é que não gostavam. O único erro dos Militares foi dar anistias para este bando dos inferno. Se os militares tivessem cumprido o seus deveres eles não estariam no comando fazendo deste país a cuba brasileira. SOCORRO FFAA !!!!! Precisamos de vocês urgente para por ordem e progresso no Brasil ! Brasil acima de tudo !

    ResponderExcluir