Compatilhar

terça-feira, 13 de outubro de 2015

JUIZ IGNORA E ENGAVETA PROCESSO DE APOSENTADA POBRE SOB A CONIVÊNCIA DE ADVOGADO.

É o que se conclui de um processo que foi protocolado na comarca de São Mateus (Ma).

A aposentada MARIA ISABEL ALVES teve descontos indevidos em sua aposentaria de apenas um salário mínimo. Foram vários descontos.

Ela constituiu em Bacabal (Ma) o advogado GLAUBER MÁRIO DE VASCONCELOS OLÍMPIO OAB/MA nº 4731 para barrar os descontos indevidos e pedir ressarcimentos pelos prejuízos. Um pedido de Antecipação de Tutela foi protocolado desde 21/08/2013.

O Sistema do Tribunal de Justiça do Maranhão mostra que o processo nunca foi movimentado. Já se passam mais de 2 anos.

O advogado sumiu, o juiz titular da Comarca de São Mateus também, pois o processo dorme sono profundo. O sono do descaso da justiça maranhense para com os pobres deste torrão. Dona Maria Isabel clama por justiça!!


O Juiz MARCO AURÉLIO BARRETO MARQUES, titular da Comarca de São Mateus deve, pelo menos, uma explicação por esta omissão vergonhosa. Igualmente o advogado que tem o dever de acompanhar e comunicar o cliente a situação do seu processo.

Resta saber se a Corregedoria do TJMA fará alguma coisa, pois se trata de pessoa pobre da sociedade.