Compatilhar

sábado, 7 de novembro de 2015

O GOVERNADOR NÃO ELEITO DO MARANHÃO, MARCIO JERRY CANTA VITÓRIA DE DUTRA EM PAÇO DO LUMIAR.


O desface do comunista Marcio Jerry no Maranhão chama-se secretaria de Assuntos Políticos.

Na verdade quem decide as coisas no governo é ele. Flávio Dino é apenas a Rainha da Inglaterra.

Com tanto poder não concedido pelos maranhenses, Marcio Jerry manda, desmanda e põe em execução a sua política particular de destruir o que entender ser obstáculo político, seja aliados de outrora ou não.

A sede do comunista ao pode lhe reserva águas amargas em vários rincões do Maranhão, principalmente em Paço do Lumiar.

Jerry, usando a estrutura (o nome) do Estado pretende ressuscitar o futi, logo em Paço do Lumiar, onde o sujeito é persona non grata (pessoa não bem-vinda), pois em décadas como parlamentar não moveu uma palha pelo município.

Lá não mora, nunca ligou para seus cidadãos, que alegam que estão com ele atravessado na garganta.

Cheio de confusão e armações para tirar vantagem em seguida, Domingos Dutra, apelidado de Futi, é conhecido por incentivar pessoas incautas para gerar confusões e depredações. Se dê frutos, ele sai como herói da causa. Se não dê, o Futi some do cenário da confusão que causou e deixa as pessoas que ele usou no veneno.

Foi assim no caso da Caema e da tentativa de impedir o recolhimento de lixo no município para atingir o prefeito.

É neste tipo de gente que os comunistas estão investindo porque tem a característica deles.

Os dez mandamentos dos comunistas, o decálogo de Lenin
Escrito em 1913 pelo líder revolucionário russo Vladimir Lênin, o pai do comunismo (sistema governamental ateísta).

Qualquer semelhança com acontecimentos atuais, 102 anos depois, não é mera coincidência.

Decálogo de Lenin táticas para a tomada do poder:

1.. Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual;

2.. Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação de massa;

3.. Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais;

4.. Destrua a confiança do povo em seus líderes;

5.. Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo;

6.. Colabore para o esbanjamento do dinheiro público; coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior e provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação;

7.. Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País;

8.. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;

9.. Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares infiltrados nos partidos democráticos devem acusar os não-comunistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa socialista;

10.. Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa…