Compatilhar

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Visita marca o fim da transição entre gestões na Corregedoria Geral da Justiça.

A vice-presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão e corregedora eleita para o biênio 2016/2017, desembargadora Anildes Cruz, foi recebida pela desembargadora Nelma Sarney, corregedora-geral da Justiça, nesta quarta-feira (16), em visita que marcou o encerramento do período de transição para a nova gestão, que será iniciada na sexta-feira (18).
A corregedora Nelma Sarney entregou à corregedora eleita um Relatório de Gestão referente ao trabalho realizado pela Comissão Sentenciante Itinerante (biênio 2014/2015), que deu suporte às unidades jurisdicionais com problemas de excesso de demandas e dificuldades de natureza estrutural, que precisavam de maior apoio institucional para garantir a celeridade na entrega da prestação jurisdicional. Esse projeto resultou em 13.854 processos analisados.
Na ocasião, a desembargadora Nelma Sarney destacou que o trabalho desenvolvido na Corregedoria durante a sua gestão foi reconhecido pela magistratura nacional, por meio de projetos de melhoria da prestação jurisdicional, a exemplo das audiências de custódia e da comissão sentenciante, que alcançaram bons resultados.
“Deixo a Corregedoria com a certeza do dever cumprido. Apesar das limitações orçamentárias e do déficit de magistrados, avançamos em diversas frentes de trabalho”, frisou a corregedora Nelma Sarney.
A corregedora eleita assegurou que dará continuidade aos projetos implementados pela atual gestão, que resultaram em avanços nos serviços judiciários e ressaltou que a Corregedoria está de portas abertas para receber a colaboração dos magistrados, considerada fundamental para a administração da Justiça do 1º grau.
“Pretendemos trazer os juízes para a Corregedoria e realizar uma gestão compartilhada, com base no diálogo com os magistrados”, resumiu a desembargadora Anildes Cruz.
Participaram da solenidade os juízes Mário Márcio Sousa, coordenador do planejamento estratégico da CGJ; Márcia Chaves, coordenadora dos juizados especiais; Francisca Galiza, auxiliar da CGJ; Sara Gama, auxiliar da Presidência do TJ; Rosária Duarte, auditora da Justiça Militar, Rosângela Prazeres, auxiliar de entrância final, Gladiston Cutrim, titular do 2o Juizado Cível de Imperatriz e Gustavo Adriano, diretor-geral do TRE-MA.
 Helena Barbosa
Analista Judiciária (M:102277)
Assessora de Comunicação da Presidência/TJMA