domingo, 15 de maio de 2016

O problema do Brasil sou eu, é você, somos nós.

Consciência coletiva é algo utópico para os que querem unanimidade de propósitos. Burrice coletiva também o é. Entretanto, no Brasil vem prevalendo um ambiente de letargia (apatia, inércia e/ou desinteresse) pelo crescimento e desenvolvimento do país. impera um individualismo sem precedentes.

Com raras exceções, padecemos de preguiça mental e da falta de iniciativas e ações necessárias para alavancarmos o desenvolvimento desta Nação. Enquanto não deixarmos de utilizar o "jeitinho" brasileiro como modus vivendi (modo de vida), estaremos sucumbindo nossas vidas e a da Nação.

Enquanto reverenciarmos com votos aqueles que praticam a corrupção, estaremos matando o futuro de gerações. Se não resgatarmos o patriotismo perdido no tempo por desconstrução dos últimos governos, não teremos amor pelo País no seu todo. Pois, a algazarra e anarquia tem prevalecido nas instituições da República, omo e estivéssemos cavando o próprio túmulo.

Enquanto o individualismo de um pequena classe prevalecer sobre o restante dos brasileiros, em detrimento da coletividade, não podemos falar de um pais de gentes civilizadas, mas de urubus a disputar a carniça, que é no que estamos transformando nosso Brasil. Onde cada um quer tirar seu pedaço maior que o do outro.

O Brasil não é carniça, não somos urubus, mas agimos como tais. O Brasil é nosso habitat, onde vivemos, de onde tiramos o pão de cada dia para alimentar milhares de homens, mulheres e crianças.

Somos gentes. Somos brasileiros

Salve o Brasil!!
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário