Compatilhar

quarta-feira, 6 de julho de 2016

STF MANIFESTA INTOLERÂNCIA À MANIFESTAÇÃO DE PENSAMENTO E DECEPCIONA OS BRASILEIROS

O Supremo Tribunal Federal (STF) pediu nesta quarta-feira à Polícia Federal que abra investigação para apurar os responsáveis por levar bonecos infláveis do presidente do STF Ricardo Lewandowski e do procurador-geral da República Rodrigo Janot em uma manifestação no último dia 19 de junho em São Paulo. Em ofício encaminhado ao diretor-geral da PF Leandro Daiello, o secretário de Segurança do Murilo Hetz informa que Carla Zambeli Salgado foi identificada como líder da manifestação em que os "pixulecos" foram exibidos e classifica a iniciativa como "nefasta campanha difamatória". No protesto, os bonecos foram apelidados de "Petralowski" e "Enganô".


Ninguem esperava tal atitude partindo do guardião da Constituição.

A liberdade manifestação do pensamento, da criação, da expressão e da informação, sob qualquer forma está garantida na nossa Constituição Federal, nos artigos 5 e 220.

É um direito fundamental decretado e encerrado por nossa Lei Maior com muita força:

“A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nessa Constituição”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário