sábado, 17 de junho de 2017

O caos no Brasil é a administração pública sem planejamento

A administração pública em geral padece da falta de planejamento. Gestores, principalmente, do Poder executivo, em todas es esferas (Federal, Estadual e Municipal), com raras exceções, assumem a gestão pública sem a menor noção de planejamento.

Administrar um município, por exemplo, são necessários recursos humanos, recursos financeiros e materiais. Considerando a dimensão municipal e as demandas que se apresentam, isto não é nada fácil. Requer pelo menos a noção de planejamento estratégico por parte do prefeito. O resto pode ser complementado por uma assessoria especializada no assunto.

Em geral, prefeitos, governadores e até o Presidente da República estão pouco ligando para planejamentos estratégico na condução da coisa pública. Eis que concorre com isso interesses outros de cunho político, escambando para uma gestão contaminada pela corrupção, que drena em tempo recorde os recursos públicos em sua totalidade.

Ações paliativas é o que se tem visto por aí.

Esse aí é o prefeito de Paço do Lumiar-Ma
Sem planejamento e noção do que seja isto, prefeitos incompetentes têm transformado municípios brasileiros em terra arrasada, acobertados pela conivência da população, pela inércia dos órgãos de controle e lerdeza do Poder judiciário.

Verificando como ficou a foto

Sem objetivos e estratégia, não há planejamento. Sem planejamento a população sofre pelo caos que se instala. O objetivo diz onde se quer chegar e a estratégia mostra como se chegará lá.

É simples assim! Basta querer! Infelizmente, os gestores públicos do Brasil não querem.

CAOS NA EDUCAÇÃO DE SÃO LUÍS-MA: Educação pública municipal de São Luís agoniza.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário