Compatilhar

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

TELEXFREE PARA OTÁRIO E INGLÊS VER.

Após a TelexFree se ver forçada a trocar sua logomarca (que tratava-se de um plágio descarado da BWF World Championships), ela reformulou o seu site e acrescentou uma páginacontendo as suas “sedes” (ou “Headquarters”, para soar de forma mais imponente aos ouvidos dos imbecis). Ver imagem a seguir:
sedes-telexfria
fonte: Novo site da Telexfria ;-)
Provavelmente eles irão alterar esta página em breve (após lerem este post) ;-)

Sobre a sede no Brasil

Logo à esquerda da imagem anterior, eles indicam a Ympactus S.A. como a sede no Brasil. WTF?!
Uma das estratégias da TelexFree para tentar reverter o bloqueio judicial (o qual ainda está ativo) foi justamente cancelar o contrato entre a TelexFree Inc., dos EUA, e a Ympactus S.A., do Brasil. Detalhe que as duas empresas têm como donos o mesmo trio de piramideiros (Carlos Costa, Carlos Wanzeler e James Merrill). Então, ou esse contrato sempre foi uma enganação, ou na melhor das hipóteses, mera formalidade.
Portanto, se não existe mais ligação entre as duas empresas, não faz sentido apresentar a Ympactus como sede da TelexFree, como está no site novo. Isso apenas reforça o que todo mundo já sabe: que esse cancelamento de contrato foi só mais um golpe para tentar escapar do bloqueio, mas o tiro saiu pela culatra (mais uma vez).
Sobre a sede nos EUA

Merrill-em-frente-a-sede-da-Telexfree-nos-EUA

A imponente “sede” nos Estados Unidos, a qual a Telexfree divulga fotos de seu sócio James Merrill posando em frente ao prédio (ver imagem ao lado), dando a entender que a TelexFree seria dona do prédio inteiro, na verdade, não é dona sequer de uma única sala. A TelexFree apenas aluga um escritório, e mesmo assim, virtual!
A empresa Regus funciona no local e aluga escritórios virtuais para outras empresas, com serviço de atendimento de telefone, recebimento de cartas, etc, mas não existe nenhum equipamento sequer da TelexFree lá. Precisando fazer uma reunião, eles agendam, usam uma sala e, assim que a reunião termina, eles são obrigados a sair, porque a próxima empresa locatária do serviço vai usar.

Sobre a sede no Reino Unido

Agora que começa o festival de picaretagem de verdade! Pois tudo ali é enganação. Tudo! (nome da empresa, endereço e foto)
No dia 28 de agosto de 2013, uma nova versão da TelexFree foi registrada na Inglaterra, com o nome “TelexFree, Ltd.” (e não “Telexfree Inc”, como está apresentado no site).
Não acredita? Então basta acessar o registro de companhias na Inglaterra (chamada: Companies House - http://www.companieshouse.gov.uk/), e procurar por: Telexfree. Para facilitar, estou divulgando os dados da pesquisa a seguir ;-)
Telexfree-Ltd
O número de registro é 08666840 e a empresa foi inicialmente registrada no seguinte endereço:
15-BROMET-CLOSE-WATFORD-HERTFORDSHIRE-WD17-4LP-UNITED-KINGDOM
15 BROMET CLOSE, WATFORD, HERTFORDSHIRE
WD17 4LP, UNITED KINGDOM
OBS: Atente para o fato da imagem apresentada no site da Telexfree e a imagem acima (elas são idênticas!). Os piramideiros nem se deram ao trabalho de tirar uma foto feita por eles mesmos de sua “sede”, pois eles simplesmente copiaram a imagem do Google Street View – até as nuvens são iguais! ;-)
Curiosamente, esse endereço não parece ser um endereço comercial (vão ser burros assim na PQP!!!). Se pesquisar no Google Street View, aparecem apenas apartamentos residenciais como podem ser vistos nas imagens anteriores ;-)
aluguel-fundos
Não acredita? Veja ao lado o anúncio de um apartamento disponível para alugar, no mesmo endereço!

Na imagem é apresentada a vista de trás do imóvel.
OBS: Provavelmente, quando este apartamento for alugado, o anúncio será removido do site.
No dia 17 de setembro de 2013, foi feita a mudança de endereço da empresa, e olha só o que aparece quando colocamos esta informação no Google Street View(esta deveria ser a nova “sede” da Telexfree, de acordo com a Companies House):
137-ABBOTS-ROAD-ABBOTS-LANGLEY-HERTFORDSHIRE-ENGLAND-WD5-0BJ
137 ABBOTS ROAD, ABBOTS LANGLEY
HERTFORDSHIRE, WD5 0BJ, ENGLAND
- Há! Pegadinha da Telexfree, Iêié!
Portanto, parecem ser apenas endereços de fachada. Mas calma, pois o buraco é ainda mais embaixo!
Qual dos dois endereços a TelexFree exibia em seu site antigo (substituído há menos de 1 semana)?
- Nenhum dos dois! No site antigo, ela apresentava um terceiro endereço. A imagem a seguir mostra como esta informação era visualizada no antigo site da Telexfree.
End-site-antigo
fonte: site antigo da Telexfria ;-)
Este terceiro endereço, que aparece no rodapé da página, ficava em um luxuosíssimo prédioàs margens do rio Tâmisa, ver imagem a seguir:
2_454x340
3 More London, Riverside London, Greater London
SE1 2RE, United Kingdom – fonte: Regus
E adivinha qual é a empresa que funciona nesse mesmo endereço?
- Nesse prédio está a Regus, empresa que aluga escritórios virtuais no mundo todo, e é a mesma que alugou o escritório virtual da TelexFree nos EUA, que causou muita controvérsia cerca de um ano atrás, quando foi desmascarada.
Enfim, será que esses piramideiros vão entrar em um acordo e decidir onde fica sua “sede fantasma”?!  

Resumo da ópera no Reino Unido 
(Telexfree para inglês ver)

As informações apresentadas no “novo” site da Telexfree são falsas!
1- O nome indicado é falso: eles indicam “TelexFree Inc.”, mas o correto é “TelexFree, Ltd.”.
2- O endereço apresentado é falso: no registro oficial da empresa, de acordo com a Companies House, o endereço já mudou e é outro, além do que, até a semana passada, eles indicavam um terceiro endereço, onde na verdade funciona uma empresa de escritórios virtuais (Regus).
3- A foto é falsa: a foto não foi tirada por eles, mas sim copiada do Google Street View. Além disto, não se tratar de um endereço comercial, e sim de um bloco de apartamentos residenciais. Uma “sede” de uma empresa “multinacional”, não poderia funcionar num local com residências.

Conclusão 

Uma busca simples na internet é mais do que o suficiente para constatar toda a sacanagem envolvendo esses piramideiros. Portanto, só é enganado quem quer ;-)
veja também:

ETA POVO BESTA: Dona de casa perdeu R$ 1,8 mil ...



Nenhum comentário:

Postar um comentário